Bolsa de doutorado sanduíche (Capes-PDSE 2018)

Importante: Este edital CAPES apresenta importantes diferenças em relação aos anteriores:

1 – Exigência de exame de proficiência (ver Edital CAPES e retificações, ao fim do documento)

2 – Tempo mínimo de 6 meses no exterior (Edital CAPES)

Obs: conforme tem sido adotado no PPGCAL, cada docente só poderá indicar um (1) candidato.

 

Calendário PDSE-PPGCAL/UFRJ:

– Período de Inscrições (por e-mail; detalhes abaixo): 12/jan/2018 – 02/fev/2018

– Seleção interna, PPGCAL: Até 09/fev

– Indicação dos candidatos, por ordem de prioridade, via memorando impresso, assinado e carimbado pelo coordenador, entregue pessoalmente na PR2: até 19/02/2018;

– Inscrição no sistema CAPES de todos os candidatos selecionados pelos PPGs: de 19/02/2018 a 23/03/2018;

– Identificação e remanejamento, pela PR2, de cotas não utilizadas pelos PPGs – de 20/02/2018 a 29/03/2018;

– Homologação pela PR2 das inscrições dos candidatos, seguindo a indicação dos PPGs e a priorização no remanejamento das cotas ociosas, no sistema da CAPES – de 02 a 23/04/2018;

– Complementação de documentos pelos candidatos – até 60 dias antes da viagem;

– Início dos estudos no exterior – agosto a novembro de 2018.

 

Inscrições:

Enviar por e-mail (ppgcal@iq.ufrj.br com cópias para torres@iq.ufrj.br e danielperrone@iq.ufrj.br) até 02/02/2018

Formulário de inscrição preenchido;

– CV do/a candidato/a (versão Lattes completo; PDF)

– Carta do/a orientador/a brasileiro/a, devidamente assinada, em papel timbrado da instituição, com descrição do tipo de interação técnico-científica estabelecida/iniciada entre os grupos de pesquisa no Brasil e no exterior e aprovando o plano de pesquisa com a identificação do título projeto e informando o mês/ano de início e término do estágio no exterior;

– Carta do/a candidato/a justificando a necessidade do estágio no exterior e a escolha do co-orientador/a para sua formação;

– Currículo resumido do coorientador no exterior, o qual deve ter produção científica e/ou tecnológica compatível e a titulação mínima de doutorado (Word ou PDF);

– Plano de estudo no exterior (até 3 páginas).

– Comprovante de proficiência (de acordo com edital CAPES, item 4.1.1.10). Caso o(a) candidato(a) não tenha sido aprovado em um dos exames de proficiência exigidos pela CAPES, deve enviar no ato da inscrição comprovante de agendamento do exame e deve enviar até o dia 29/03 para a coordenação o comprovante de proficiência exigido. Candidatos que tenham sido indicados na avaliação interna, mas que não enviem (até 29/03) o comprovante de proficiência na língua estrangeira conforme exigido pela CAPES, terá sua classificação inicial na lista de indicados alterada para último lugar. Aqueles que não enviarem à CAPES o comprovante de proficiência até 60 dias antes da data do início do estágio terão sua bolsa PDSE cancelada.

 

TODOS OS DOCUMENTOS DEVERÃO SER ENVIADOS PARA OS EMAILs:

ppgcal@iq.ufrj.br com cópias para torres@iq.ufrj.br e danielperrone@iq.ufrj.br.

 

Candidatos(as) Elegíveis:

– Doutorandos que:

1) Tenham completado no mínimo 12 meses e no máximo 32 meses de curso até janeiro/2018;

2) Tenham completado os créditos acadêmicos exigidos para a defesa do doutorado e sejam aprovados no exame de qualificação até o dia 29/03/2018. Candidatos indicados para o PDSE, mas que não sejam aprovados na qualificação (caso venha a ser defendida entre janeiro e março/2018) terão sua indicação para o PDSE desqualificada;

3) não ultrapassem 44 meses de matrícula após o retorno do exterior.

 

Os candidatos à bolsa assumem a responsabilidade em fornecer os documentos exigidos pela CAPES e devem conhecer penamente o Edital e as demais regras estabelecidas pela CAPES para o PDSE, caso sejam selecionados neste edital.

Aproveitem essa oportunidade para fazer parte de sua formação Pós-Graduada no exterior!

Atenciosamente,  Alexandre

%d blogueiros gostam disto: